LIVRAMENTO DE NOSSA SENHORA: COMARCA CONTABILIZA PRODUÇÃO DE 878 ATOS DURANTE TELETRABALHO

Quinta 07 Mai 2020 - 07h49




LIVRAMENTO DE NOSSA SENHORA: COMARCA CONTABILIZA PRODUÇÃO DE 878 ATOS DURANTE TELETRABALHO

Um total de 373 sentenças, 293 despachos, 152 baixas e 60 decisões foram proferidos durante março e abril na Vara Cível da Comarca de Livramento de Nossa Senhora, correspondendo à produção de 878 atos. Neste período, a unidade e toda a Justiça estadual atuam em regime de teletrabalho, por conta da pandemia do Coronavírus (Covid-19).

De acordo com o Juiz Titular da unidade, Gleison dos Santos Soares, a produção dos dois meses analisados supera em mais de 250% o quantitativo somado de todos os processos julgados no PJe ao longo dos dois últimos anos (2018 e 2019). Vale ressaltar que o trabalho realizado nos sistemas paralelos (SISCONDJ, RENJUD, E-PREC) e atendimentos via meios eletrônicos não estão registrados nesta análise.

À frente da unidade desde outubro de 2019, o Juiz Gleison Soares destaca que para alcançarem o resultado foi “indispensável e de imensa importância a participação e o empenho de todos os servidores da Vara Cível da Comarca de Livramento de Nossa Senhora por meio do teletrabalho, em atuação digna de elogios”.

Teletrabalho – Desde meados do mês de março, magistrados e servidores atuam em teletrabalho e sistema de rodízio, durante idêntico horário ao expediente regular. Além da apreciação das matérias, realizam expedientes internos, como elaboração de despachos, decisões, sentenças e atividades administrativas, seja nos processos eletrônicos, seja nos físicos, estes mediante carga.

 

Fonte - TJBA